O torneio Masters 1.000 de Madrid, em ténis, que deveria decorrer entre 12 e 20 de setembro, foi cancelado, devido à situação sanitária resultante da pandemia covid-19, informou hoje a organização.

“Depois de termos examinado a situação durante meses, os organizadores do Mutua Madrid Open sentem-se obrigados a anular o torneio, devido à difícil conjuntura desencadeada a todos os níveis pela covid-19”, comunicou a organização.

Inicialmente o Masters deveria ter acontecido entre 01 e 10 de maio, mas, face à pandemia, acabou por ser transferido para setembro, até ser agora cancelado.

Numa primeira fase, a organização tentou manter o Masters, com protocolos sanitários necessários, mas a incerteza e o recente aumento de casos, que levou a novas medidas e restrições na região de Madrid, acabaram por obrigar a um cancelamento.

“A instabilidade continua a ser demasiado alta para organizarmos um torneio com todas as garantias”, considerou o diretor do torneio, Feliciano Lopez.

Em 20221, o evento decorrerá entre 30 de abril e 09 de maio, e os adeptos podem manter os bilhetes adquiridos para este ano, com as mesmas garantias.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 694 mil mortos e infetou mais de 18,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Espanha tem sido um dos países europeus mais afetados pela pandemia, com 28.478 mortos e mais de 298 mil casos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.