A Oliveirense venceu hoje o Follonica, por 6-5, na sexta jornada da Liga Europeia de hóquei em patins, qualificando-se para os quartos de final da prova, num jogo em que só a vitória interessava.

A vitória Oliveirense começou a ser construída por Jorge Silva, aos 09 minutos, com Xavier Barroso (13) e Ricardo Barreiros (21) a aumentarem para 3-0, enquanto Mario Rodríguez reduziu no segundo tempo (28), mas Pablo Cancela respondeu no mesmo minuto e Marc Torra aumentou (42), fixando uma confortável vantagem de 5-1.

Nos últimos minutos, os italianos responderam, com Francesco Banini (44) e Stefano Paghi (47) a reduzirem a diferença, Marc Torra 'bisou' (48) e voltou a dar uma boa vantagem à Oliveirense, de 6-3, mas os transalpinos voltaram a responder, no último minuto, com golos de Francesco Banini e Serse Cabella, fazendo o 6-5 final.

A vitória era o único resultado que interessava aos locais que, desde cedo, assumiram o controlo do jogo com uma 'avalanche' ofensiva que deixava os italianos recuados no seu próprio meio-campo.

Jorge Silva abriu o marcador à 'bomba', apanhando o guarda-redes desprevenido, tendo visto o cartão azul no minuto seguinte, porém, na marcação do livre direto, Xavier Puigbiu negou o empate a Marco Pagnini.

Pouco depois, foi a vez de um livre direto para a Oliveirense, que Xavier Barroso não desperdiçou e, já perto do intervalo, o 'capitão' Ricardo Barreiros deixou um defensor pelo caminho e enganou Giovanni Menichetti, elevando o resultado para 3-0 na ida para o descanso.

No início do segundo tempo, o Follonica reduziu por intermédio de Mario Rodriguez, com um desvio oportuno junto à baliza, mas Pablo Cancela respondeu de imediato, no mesmo minuto, dando a volta à baliza e surpreendendo guarda-redes, encostando a bola no canto.

O espanhol podia ter aumentado a conta pessoal, mas acertou no poste num livre direto, com o golo seguinte da formação de Renato Garrido a surgir em nova bola parada, com Marc Torra a castigar o segundo cartão azul a Mario Rodríguez, num movimento que enganou o guarda-redes.

O Follonica reduziu logo a seguir, num remate de longe de Stefano Paghi que Francesco Banini desviou frente a Puigbi, com Paghi a encurtar novamente a distância num livre direto a castigar a 10.ª falta da Oliveirense, enquanto do outro lado, Marc Torra, em nova bola parada, aumentou para 6-3.

No último minuto, Francesco Banini aproveitou a displicência Oliveirense e, junto à linha de golo, encostou para dentro da baliza, com Xavier Barroso a levar cartão azul a nove segundos do fim e Serse Cabella, chamado a converter, bateu Puigbi.

Jogo realizado no Pavilhão Dr. Salvador Machado, em Oliveira de Azeméis.

Oliveirense -- Follonica: 6-5.

Ao intervalo: 3-0.

Marcadores:

1-0, Jorge Silva, aos 09 minutos.

2-0, Xavier Barroso, 13.

3-0, Ricardo Barreiros, 21.

3-1, Mario Rodríguez, 28.

4-1, Pablo Cancela, 28.

5-1, Marc Torra, 42.

5-2, Francesco Banini, 44.

5-3, Stefano Paghi, 47.

6-3, Marc Torra, 48.

6-4, Francesco Banini, 50.

6-5, Serse Cabella, 50.

Sob a arbitragem da dupla espanhola Daniel Villar e Iñigo López Leyton, as equipas alinharam:

- Oliveirense: Xavier Puigbi, Xavier Barroso, Marc Torra, Jordi Bargallo e Jorge Silva. Jogaram ainda: Pedro Moreira, Pablo Cancela, Ricardo Barreiros e Emanuel Garcia.

Treinador: Renato Garrido

- Follonica: Giovanni Menichetti, Davide Banini, Mario Rodríguez, Frederico Pagnini e Marco Pagnini. Jogaram ainda: Serse Cabella, Francesco Banini, Stefano Paghi e David Gelmá

Treinador: Enrico Mariotti.

Ação disciplinar: cartão azul para Jorge Silva (10), Mario Rodriguez (31 e 42) e Xavier Barroso (50).

Assistência: cerca de 700 espetadores

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.