O Benfica informou hoje que a equipa de hóquei em patins foi punida com dois jogos de interdição e anunciou que vai recorrer do castigo, que teve origem nos acontecimentos no jogo com o Sporting na época passada.

“O clube irá recorrer, uma vez mais, dessa decisão, vendo-se, no entanto, obrigado, devido ao escasso tempo que medeia desde aquela notificação, a jogar no sábado frente ao HC Turquel, no Pavilhão do FC Alverca”, lamentaram os 'encarnados'.

Em causa está o processo disciplinar aberto após os acontecimentos ocorridos no dérbi com o Sporting de 27 de janeiro de 2019, que os 'leões' venceram, na Luz, por 4-1, num encontro em que os 'verde e brancos' jogaram durante mais de 10 minutos em inferioridade numérica.

“Na altura, o clube recorreu de igual decisão proferida naquele processo disciplinar para o Tribunal Arbitral do Desporto, tendo sido obtida uma decisão favorável (revogação do castigo aplicado)”, revelaram os lisboetas.

A Federação de Patinagem de Portugal recorreu dessa decisão para o Tribunal Administrativo, que julgou parcialmente procedente o recurso, deliberando, no entanto, que o processo disciplinar em causa poderia ser retomado.

“Na sequência dessa sentença o Conselho de Disciplina da Federação de Patinagem de Portugal proferiu a decisão de que o Sport Lisboa e Benfica foi agora notificado, aplicando novamente ao clube a mesma pena de interdição de campo por dois jogos e o pagamento de uma multa (1.160 euros)”, complementaram.

O segundo jogo de castigo será com a Oliveirense, em 14 de dezembro, na 10.ª jornada.

*Artigo atualizado

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.