O novo selecionador de andebol cabo-verdiano convocou 17 atletas que militam na diáspora e um residente, o guarda-redes do Desportivo da Praia, Lenine, para o estágio em Rio Maior (Portugal), visando os trabalhos de preparação para o CAN’2020.

O técnico português Luís Monteiro, que deixa o comando da equipa técnica do Vitória de Setúbal, para assumir o cargo de seleccionador de andebol masculino de Cabo Verde, fruto de uma parceria entre a Federação Cabo-verdiana de Andebol e a sua congénere portuguesa, apostou nos atletas que actuam no estrangeiro nesta pré-convocatória.

Portugal, com 14 jogadores convocados, domina a lista, seguido de Cabo Verde, da Alemanha, da Espanha, e da França, com uma chamada cada.

O presidente da FCA, Nelson Martins, adiantou à Inforpress que o estágio vai ser realizado de 05 a 15 de Janeiro em Rio Maior (Portugal) por ser a forma mais prática sobretudo em termos económicos, já que praticamente todos os pré-convocados jogam na Europa.

O Campeonato Africano das Nações, CAN’2020, realiza-se de 16 a 21 de Janeiro na Tunísia e Cabo Verde vai marcar a sua estreia inédita nesta que é a maior competição africana da modalidade em termos das nações.

Lista pré-convocados:

Guarda-redes: Josimar Tavares “Lenine” (Desportivo da Praia, Cabo Verde), Luís Almeida (CDE Camões, Portugal) e Élcio Fernandes (Juve Desportiva, Portugal).

2.ª linha: Alexandre Pereira (CF Sassoeiros, Portugal) Edilson Morais (Juve Desportiva, Portugal), Admilson Furtado (Académico Viseu F C, Portugal), Felisberto Landim (CF Sassoeiros, Portugal) e Kivan Dongo (Juve Desportiva, Portugal).

Universal: Ivo Santos (Bergischer, HC, Alemanha).

1.ª Linha: Fernando Dias (Póvoa AC, Portugal), Elledy Semedo (AM, Madeira SAD, Portugal), Délcio Pina (Maia Ismai, Portugal), Leandro Semedo ( Helvetia Anaitasuna, Espanha), Bruno Landim (SC Horta, Portugal), Rafael Andrade (AA Avanca, Portugal), Flávio Fortes (Saint-Marcel Vernon, França), Fábio Semedo (CF Belenenses, Portugal) e Gualther Furtado (AA Avanca, Portugal).

O seleccionador Luís Monteiro tem como adjunto Ricardo Candeias, sendo que Nuno Vasco assume as funções de secretário-técnico.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.