O surto do coronavírus Covid-19 que assolou a Europa e o mundo levou à interrupção, adiamento e suspensão de inúmeras competições desportivas nas mais diferentes modalidades e o andebol não foi exceção.

A 12 de março a Federação portuguesa de andebol anunciou, em comunicado, a suspensão das competições de andebol "até 29 de Março, face à pandemia COVID-19", salientando que iria continuar a acompanhar permanente a situação e prometendo uma revisão da mesma até essa data.

FC Porto na liderança do 'nacional' masculino

No momento da interrupção, o campeonato nacional da 1ª divisão masculina tinha assistido à conclusão da primeira fase, que terminou com o FC Porto na liderança, dois pontos à frente do Sporting. 'Dragões' e 'Leões' seguiram a par e invictos no topo ao longo de praticamente todas as jornadas até que, já perto da interrupção, a turma 'azul e branca' foi ao pavilhão do rival 'verde e branco' triunfar por 27-23, isolando-se assim na frente ao infligir ao Sporting a primeira derrota.

Quando a competição for retomada arrancará, então, a fase final da prova, na qual os seis primeiros seguem para o apuramento e os seis últimos discutem a manutenção. Cada equipa arrancará esta fase com metade dos pontos trazidos da primeira fase, pelo que na classificação o FC Porto começará com 39 pontos, mais um do que o Sporting. O Benfica surge no terceiro posto e arrancará com 34 pontos. Belenenses, Águas Santas e ABC Braga completam esta série de apuramento do campeão.

Taça com 'grandes' tranquilos nos oitavos de final

Os oitavos de final da Taça de Portugal de andebol estavam agendados para o fim de semana de 14 e 15 de março, mas foram naturalmente adiados. Para já, os três grandes seguem em prova e, quando a prova for retomada, terão pela frente adversários relativamente acssíveis: o Benfica defronta o , do terceiro escalão, o FC Porto o Juve Lis, do segundo escalão, e apenas o Sporting receberá uma equipa do escalão principal, o Avanca.

Na Europa seguem FC Porto e Benfica

Nas competições europeias de andebol, a EHF, Federação Europeia de Andebol, anunciou que não haverá jogos das suas competições, pelo menos, até pelo menos 12 de abril. Na altura da interrupção, o FC Porto tinha ficado a saber que, nos oitavos de final da Liga dos Campeões, iria defrontar os dinamarqueses do Aalborg. Nesta mesma competição, o Sporting já ficou pelo caminho, falhando o acesso a estes oitavos de final ao ser afastado no 'play-off'.

Covid-19: FC Porto e Benfica com jogos europeus de andebol cancelados
Covid-19: FC Porto e Benfica com jogos europeus de andebol cancelados
Ver artigo

O Benfica também ainda está na 'Europa', a disputar neste momento a fase de grupos da Taça EHF, onde lidera atualmente o Grupo A, a duas jornadas do fim do mesmo, estando portanto em boa posição para seguir para a fase seguinte.

Nas mulheres, Colégio de Gaia lidera destacado

No Campeonato da 1ª Divisão de andebol feminino a liderança era, aquando da interrupção, ocupada pelo campeão em títuo, o Colégio Gaia, que concluiu a 1ª fase com seis pontos de vantagem sobre o segundo classificado, o Madeira SAD, numa competição em que apenas um dos '3 grandes' marca presença: o Benfica, atual quarto classificado.

Tal como no setor masculino, a competição vai agora seguir para a fase de apuramento do campeão e de manutenção, para a qual o conjunto de Gaia partirá com mais três pontos do que a formação madeirense.

Seleção com qualificação olímpica em espera

Depois do 'brilharete' no Campeonato da Europa de Andebol, disputado no início do ano, onde terminou no sexto lugar, Portugal garantiu acesso aos torneios de qualificação para o torneio olímpico masculino de Tóquio2020.

Andebol/Europeu: Um pequeno passo no historial, um salto gigante para a modalidade
Andebol/Europeu: Um pequeno passo no historial, um salto gigante para a modalidade
Ver artigo

A IHF, Federação Internacional de Andebol, começou por dizer que os mini-torneios de qualificação se iriam manter nas datas previstas, mas decidiu depois adiá-los para junho. Portugal irá jogar em França contra a seleção anfitriã, a Croácia e a Tunísia, seguindo os dois primeiros classificados para os Jogos Olímpicos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.