O FC Porto conquistou esta segunda-feira pela primeira vez a UEFA Youth League depois de bater o Chelsea por 3-1 no estádio do Centro Desportivo de Colovray, em Nyon, na Suiça. Fábio Vieira, Diogo Queirós e Afonso Sousa apontaram os golos dos dragões, enquanto Redan foi o autor do golo inglês.

No final do jogo, Fábio Vieira, autor do primeiro golo dos dragões, não escondeu a emoção de levantar o troféu com a camisola do FC Porto.

"É um sentimento único e fantástico. Trabalhámos muito por este objetivo sabendo que na final-four estariam quatro equipas muito competitivas. Sabíamos que tínhamos de dar tudo frente ao Hoffenheim para estar na final e que na final, fosse Barcelona ou Chelsea, seria um jogo de enorme dificuldade. Todos querem ganhar as finais", disse Fábio Veira.Questionado sobre o apoio dos adeptos na Suiça, o jovem jogador admite que a equipa ficou muito feliz. "Apoiámo-nos uns aos outros, sabemos que esta foi uma caminhada difícil. A equipa está de parabéns, jogadores, equipa técnica, dirigentes. Todos. Agora vamos festejar e desfrutar", referiu.

Quanto às sete vitórias seguidas, Fábio Vieira admitiu que "o momento da derrota em Moscovo foi um momento importante. Algumas pessoas poderiam aí desconfiar, mas acreditámos sempre no nosso trabalho e conseguimos um título fundamental para as nossas carreiras. Resta festejar, Isto é que é ser Porto."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.