A seleção portuguesa de futebol tem vantagem no confronto direto sobre a Escócia, que defronta no domingo, num particular, mas apenas venceu um dos sete encontros como visitante.

Quase 16 anos depois do último confronto, em novembro de 2002, então no início da preparação para o Euro2004, as duas equipas voltam a encontrar-se, desta feita em Glasgow, no 15.º confronto entre as duas seleções.

Até este momento, Portugal tem sete vitórias, três empates e quatro derrotas, todas em território escocês, onde a 'equipa das quinas' venceu apenas uma vez e empatou duas.

Em Braga, a 20 de novembro de 2002, Agostinho Oliveira, treinador interino após a saída de António Oliveira, dirigia pela última vez a equipa antes da entrada de Luiz Felipe Scolari e viu Pauleta marcar os dois golos do triunfo, por 2-0, no derradeiro encontro entre Portugal e a Escócia.

A formação lusa regista cinco triunfos consecutivos (1-0 em 03 de junho de 1959, 2-0 em 21 de abril de 1971, 1-0 em 29 de novembro de 1978, 2-1 em 18 de novembro de 1981 e 5-0 em 28 de abril de 1993), isto depois de um empate a abrir (2-2 em 21 de Maio de 1950) e uma derrota por 3-0 em 1955, precisamente, em Glasgow.

O balanço caseiro da seleção nacional é mesmo 100% vitorioso no que respeita a jogos oficiais (quatro triunfos em outros tantos embates), uma vez que o 'nulo' foi registado num particular, tal como o primeiro, 'selado' com um golo de Matateu, e o último sucesso, no tal encontro de Braga.

Um golo na própria baliza de Stanton e outro de Eusébio 'materializaram' o triunfo de 1971, o lateral esquerdo Alberto apontou o tento solitário de 1978, Manuel Fernandes 'bisou' em 1981 e Rui Barros (dois golos), Cadete (dois) e Futre marcaram em 1993.

Na Escócia, o único triunfo luso foi conquistado em 18 de junho de 1966, num particular decidido com um golo do 'gigante' José Torres (1-0), enquanto os dois empates, a zero, aconteceram em 15 de outubro de 1980, graças a uma grande exibição do guarda-redes Bento, e em 14 de outubro de 1992.

Os sucessos escoceses datam de 04 de maio de 1955 (3-0), 13 de outubro de 1971 (2-1, com Rui Rodrigues a marcar o tento luso), 13 de maio de 1975 (0-1) e 26 de março de 1980 (1-4, com o golo de 'honra' a pertencer a Fernando Gomes).

Sem perder desde 26 de março de 1980, Portugal está há mais de três décadas sem conhecer o sabor da derrota frente aos escoceses, somando três triunfos e dois empates desde então.

Os 14 jogos com a Escócia:

- 21/05/50 Escócia (C), 2-2 Lisboa Particular

(Travassos, Albano/ Brown, Bauld)

- 04/05/55 Escócia (F), 0-3 Glasgow Particular

(Reilly, Gemmell, Liddell)

- 03/06/59 Escócia (C), 1-0 Lisboa Particular

(Matateu)

- 18/06/66 Escócia (F), 1-0 Glasgow Particular

(José Torres)

- 21/04/71 Escócia (C), 2-0 Lisboa Europeu

(Stanton pb, Eusébio)

- 13/10/71 Escócia (F), 1-2 Glasgow Europeu

(O´Hare, Gemmill/ Rui Rodrigues)

- 13/05/75 Escócia (F), 0-1 Glasgow Particular

(Artur Correia pb)

- 29/11/78 Escócia (C), 1-0 Lisboa Europeu

(Alberto)

- 26/03/80 Escócia (F), 1-4 Glasgow Europeu

(Dalglish, Andy Gray, Archibald, Gemmill/ Fernando Gomes)

- 15/10/80 Escócia (F), 0-0 Glasgow Mundial

- 18/11/81 Escócia (C), 2-1 Lisboa Mundial

(Manuel Fernandes 2/ Sturrock)

- 14/10/92 Escócia (F), 0-0 Glasgow Mundial

- 28/04/93 Escócia (C), 5-0 Lisboa Mundial

(Rui Barros 2, Cadete 2, Futre)

- 20/10/02 Escócia (C), 2-0 Braga Particular

(Pauleta 2)

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.