Danilo foi o jogador escolhido para fazer a antevisão do Escócia - Portugal, amigável que será realizado este domingo em Glasgow. O médio do FC Porto falou da lesão sofrida na época passada e que o afastou do Mundial2018 e dos jogos do final da temporada.

"Depois de uma lesão tens muito tempo para refletir e saber o que andas a fazer bem ou mal. Esses são os momentos fulcrais para um atleta que está há tanto tempo sem competir. Não creio que tenha que dar mais ou menos daquilo que tenho demonstrado aqui, é continuar a trabalhar e a demonstrar ao meu selecionador que estou pronto para o que for preciso para ajudar a equipa", respondeu o médio, quando questionado sobre motivação após o regresso.

Numa equipa com vários médios de alta qualidade, Danilo não quis responder sobre o que tem de diferente para os restantes.

"Isso é mais uma questão que deve colocar ao nosso selecionador. Deve saber essa resposta melhor do que eu", atirou.

Apesar de ser um amigável, Danilo explicou que o jogo é para ganhar. E deu a receita para bater os escoceses.

"Temos de mostrar que somos todos competentes e que se estamos na Seleção Nacional é por algum motivo. Não vai ser um jogo fácil, a Escócia tem uma boa equipa e temos de contrariar o poderio. Temos de jogar o mais simples possível", frisou.

Tal como no FC Porto, também na Seleção Danilo assume o papel de líder até porque, frente a Escócia, Portugal não pode contar com Cristiano Ronaldo, Rui Patrício e Pepe.

"Como um dos mais experientes da Seleção, devo ajudar os colegas com menos jogos", sublinhou.

O encontro particular entre as seleções principais da Escócia e de Portugal realiza-se no domingo, pelas 17:00, no Hampden Park, em Glasgow.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.