O Sporting Clube Farense anunciou hoje a suspensão da gala de comemoração do 110.º aniversário do clube, que estava marcada para 01 de abril, como medida de prudência devido à epidemia de Covid-19.

“Em virtude do recente surto do novo coronavírus, Covid-19, que revela um risco de contágio preocupante, a Direção-Geral de Saúde (DGS) emitiu um comunicado que recomenda a suspensão de eventos de massas em recinto fechado como forma de controlo da sua propagação”, assinala o clube algarvio, em comunicado.

Para seguir o “cumprimento responsável destas orientações, por prudência”, o clube frisa ser assim “compelido a suspender a gala de comemoração dos 110 anos”, em preparação há várias semanas.

“Os superiores interesses de todos os cidadãos serão sempre prioridade no nosso clube”, assegura o emblema de Faro.

O evento agendado para o próximo dia 01 de abril fica assim sem efeito, remetendo o Farense para outra data que, “em estreita articulação com as autoridades de saúde, ofereça total segurança para todos os seus intervenientes”.

Os sócios que perfazem 75, 50 e 25 anos de vínculo ao clube serão oportunamente distinguidos.

A epidemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 3.800 mortos.

Cerca de 110 mil pessoas foram infetadas em mais de uma centena de países, e mais de 62 mil recuperaram.

Nos últimos dias, a Itália tornou-se o caso mais grave de epidemia fora da China, com 366 mortos e mais de 7.300 contaminados pelo novo coronavírus, que pode causar infeções respiratórias como pneumonia.

Para tentar travar a epidemia, o Governo de Roma colocou cerca de 16 milhões de pessoas em quarentena no Norte do país, afetando cidades como Milão, Veneza ou Parma.

Portugal regista 30 casos confirmados de infeção, segundo o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado no domingo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.