O extremo português André Mesquita, que alinhava no Campeonato de Portugal ao serviço do Marítimo B, reforçou o Santa Clara, avançou hoje o clube da I liga portuguesa de futebol.

Em comunicado de imprensa, o clube açoriano informou que o atleta de 22 anos assinou um contrato válido por três temporadas.

“Mesquita, jovem extremo de 22 anos, vem de uma temporada muito positiva no Marítimo B, com doze golos apontados e várias assistências, estreando-se pela equipa principal dos insulares diante do Sporting”, acrescenta a nota de imprensa.

O Santa Clara realça que o jogador formado no FC Porto foi um “foi um dos grandes destaques da Série A do Campeonato de Portugal na temporada transata” e que agora irá procurar a “afirmação no principal escalão do futebol nacional”.

Nas primeiras declarações como jogador do Santa Clara, André Mesquita refere a “sensação de conquista” pela chegada ao primeiro escalão do futebol nacional.

Em declarações enviadas pelo clube, o jogador salientou que irá “agarrar esta oportunidade com toda a força”.

“Sou um jogador rápido e ágil, com muita objetividade naquilo que faço e sou bom no um para um. O meu maior objetivo é honrar a camisola que visto, dar o meu melhor pelo clube”, afirmou Mesquita.

Com passagens pela formação do Boavista e do FC Porto, André Mesquita representou o Fafe, o Aliança de Gandra, o Dunarea Calasari (Roménia) e o Canelas 2010, antes de ingressar no Marítimo.

Depois de Gustavo Viera e Jean Patric, André Mesquita é a terceira contratação para a próxima época do clube açoriano, que será liderado em 2020/21 pelo treinador Daniel Ramos.

Confirmadas estão as saídas de Mamadu, Zé Manuel, César e Francisco Ramos do plantel que terminou a I Liga em nono lugar, com 43 pontos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.