Ramy Rabia, defesa egípcio, teve uma curta passagem pelo Sporting, uma passagem que só não foi maior porque não quis, uma decisão que afirma não ter sido a melhor.

"A decisão de sair do Sporting foi errada, até porque o meu agente que na altura era um português, tinha-me prometido que receberia propostas durante esse período", explicou, em entrevista à televisão do seu atual clube, o Al-Ahly.

Outro dos arrependimentos do defesa foi o facto de, na altura, se ter recusado a ser suplente da equipa 'leonina'.

"Recusei ser suplente no Sporting e foi triste não poder jogar mais pela primeira equipa", acrescentou.

"Tinha a certeza que um dia iria voltar a casa, ao Al-Ahly e por isso é que queria ter continuado a minha carreira longe do Egito", concluiu.

Rabia, de 27 anos, somou 3 jogos pela equipa principal do Sporting em 2014/2015 e 21 pela equipa B na mesma época.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.