O secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, disse hoje que os fenómenos de violência associados ao desporto têm "visibilidade crescente" e que estão a ser discutidas medidas para os reduzir.

Na sessão de abertura do seminário internacional "Estádios de Sítio: Segurança, Proteção e Serviço", a decorrer no Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna, em Lisboa, João Paulo Rebelo saudou as iniciativas que ajudem a "tentar erradicar a violência do desporto".

"A violência associada ao desporto não é um caso recente. Temos desenvolvido um grupo de trabalho entre várias entidades para a alteração da lei de combate à violência, com medidas direcionadas sobretudo para os grupos organizados de adeptos", declarou o secretário de Estado.

O diretor nacional da Polícia de Segurança Pública (PSP), Luís Farinha, partilhou da opinião de que o seminário permitirá "a reflexão e análise" da temática em discussão, revelando que a PSP cobriu, na época passada, um total de 17.700 eventos desportivos.

O seminário tem como objetivo refletir sobre "estratégias, boas práticas e aspetos a melhorar no policiamento de grandes eventos de futebol", discutindo-se assuntos como a problemática da violência associada ao desporto ou a organização da ‘final four' da Liga das Nações e do Mundial2020, no Qatar.

Os diferentes painéis do seminário têm como oradores representantes da Interpol, UEFA, Federação Portuguesa de Futebol, PSP, polícia do Qatar e Câmara Municipal do Porto.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.