O Sporting tem 98 mil sócios que não tem as quotas em dia. A revelação foi feita por Miguel Cal, o administrador da SAD leonina, num artigo que assina no jornal 'Sporting'.

Escreve o dirigente que "mais de 98 mil sócios [98,4] que não têm as quotas em dia". Destes, 24 mil deixaram de cumprir há menos de um ano, no período da crise leonina.

"O Sporting tinha em junho 78,9 mil sócios pagantes. Nesta temporada, a média foi de 80,5 mil. Mas o potencial de crescimento é enorme", escreve. Miguel Cal, ele que é responsável do pelouro estratégico e operacional da SAD.

A maior parte de sócios não pagantes tem mais de 5 anos de quotas em atraso (39,1 mil). Com dívidas entre um e três anos e entre três e cinco anos existem, respetivamente, 23,5 mil e 11,8 mil associados. Há 24 mil sócios com menos de um ano de quotas por pagar.

Os mais críticos são os sócios dos primeiros dois anos, pelo que o Sporting está a pensar em aumentar as vantagens destes. Dos que aderem ao ‘Sócio num Minuto’, há 23% que paga apenas a primeira quota. "São três mil sócios por ano", revela Miguel Cal.

Apenas 25 por cento dos sócios são mulheres, algo que o Sporting considera ser uma "percentagem muito baixa". Os sócios entre os 0 e os 10 anos são metade dos sócios nos intervalos dos 10 aos 20 e dos 20 aos 30 anos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.