Fernando Cerqueira, presidente da Comissão de Apoio à Recandidatura de Pinto da Costa, revelou em entrevista à Rádio Renascença que já existiram conversações com Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, para se iniciar a construção da academia dos portistas.

"O presidente nunca está cansado e quer sempre mais e melhor para o clube. Um sonho do FC Porto, e não sei se existirá condições financeiras para tal, apesar de confiar que o presidente tem inteligência e estratégias para dar a volta, é construir uma academia na cidade do Porto. Sem poder dar muitos pormenores, já tivemos conversas com o presidente da Câmara Municipal do Porto", disse Fernando Cerqueira.

Nesse sentido, o jornal O Jogo dá conta esta quarta-feira na edição impressa que a Academia do FC Porto deverá arrancar já neste ano com obras tendo em vista a edificação daquele que será, em breve, a futura casa da formação azul e branca.

A mesma publicação adianta que o processo tem vindo a conhecer avanços, nomeadamente com rondas negociais levadas a cabo por Pinto da Costa e Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, sendo que o local da obra será desvendado ainda antes do arranque da próxima época.

A ideia dos dirigentes portistas é juntar num só local todos os escalões de formação que estão atualmente divididos entre o Centro de Treinos do Olival, em Gaia, e a Constituição, na cidade do Porto, por forma a minimizar dificuldades logísticas, um pouco à semelhança do que já acontece com Benfica, Sporting e Sporting de Braga.

O diário portuense escreve ainda que Pinto da Costa tem tido em conta as preocupações dos treinadores azuis e brancos, sobretudo os que trabalham no Olival - espaço que pertecen à Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia - até porque há três relvados que são de uso exclusivo do plantel principal e acaba por limitar as outras equipas que ali jogam.

Para além disso, a Casa do Dragão, na rua de Costa Cabral, já é considerada curta para acolher tantos jovens jogadores que residem fora da área metropolitana do Porto. Por isso, o objetivo passa também por construir um espaço onde os vários jogadores que fiquem em regime de internato no clube possam ter condições de habitabilidade num só local.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.