Gustavo Scarpa pode ser o senhor que se segue na lista de contratações do Benfica para a próxima temporada, mas os 'encarnados'  vão precisar de muitos milhões e também alguma paciência para fechar a contratação do extremo.

Segundo o jornal A Bola, o Fluminense estará a exigir seis milhões de euros pelos 60% que detém dos direitos económicos do jogador, valor que as 'águias' estão a tentar baixar. Os restantes 40%, estão na mão de Scarpa, sendo que os encarnados estarão dispostos a comprá-los por três milhões de euros.

Para além destes valores, Gustavo Scarpa, um dos jovens mais promissores do futebol brasileiro, pede um ordenado a rondar 2,2 milhões de euros por ano.

O jogador tem conhecimento do interesse do Benfica, mas o clube da Luz não está sozinho na corrida por Scarpa. No Brasil, Grémio de Porto Alegre e Palmeiras seguem esta situação com atenção.

Há também outro fator a ter em conta neste processo. O jogador de 24 anos rescindiu contrato com o Fluminense nos primeiros dias de janeiro, alegando salários em atraso, e assinou com o Palmeiras por cinco épocas.

O Fluminense recorreu dos motivos apresentados por Scarpa por considerar que, nessa altura, o vínculo anterior ainda não tinha sido anulado, e já teve duas decisões favoráveis do tribunal, que impediram o médio de jogar pelo Palmeiras. Scarpa está, assim, sem jogar deste março devido a este imbróglio jurídico.

O advogado do atleta prometeu novo recurso, ainda sem uma resposta.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.