Esta quarta-feira o Sporting de Braga enviou um comunicado à CMVM a dar conta da venda do internacional português Dyego Sousa aos chineses do Shenzhen Football Club, por 5,4 milhões de euros. Mas, os valores não agradaram aos adeptos arsenalistas.

Os minhotos não ficaram satisfeitos pelo baixo valor da transferência de Dyego Sousa, uma das principais figuras do Sporting de Braga. Além disso, o clube tem ainda de gastar 540 mil euros em encargos "com serviços de mediação", o que significa que o avançado de 29 anos rendeu apenas 4,86 milhões de euros.

Recorde-se que no passado mês de janeiro o Sporting de Braga rejeitou uma proposta do Benfica por Dyego Sousa que rondava os 14 milhões de euros. Ou seja, o melhor marcador dos arsenalistas foi vendido por menos 8,6 milhões de euros.

Dyego Sousa de partida para a China: "Altura de experimentar outros ares"
Dyego Sousa de partida para a China: "Altura de experimentar outros ares"
Ver artigo

Nas redes sociais, o presidente do Sporting de Braga foi muito criticado por deixar sair o jogador por um valor tão baixo, ainda por cima depois deste ter sido chamado por Fernando Santos à seleção nacional, o que invalida uma possível desvalorização comercial.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.