O Liverpool reassumiu a liderança na liga inglesa de futebol, com um triunfo tranquilo frente ao Bournemouth (3-0), numa jornada em que Marco Silva voltou a perder à frente do Everton.

Os ‘reds’, que não vencem o campeonato desde 1990, continuam a ser sérios candidatos ao título nesta época, apesar das recentes perdas de pontos com West Ham e Leicester (empates) e Manchester City (derrota).

O triunfo de hoje em Anfield Road, com golos de Sadio Mane (24 minutos), Wijnaldum (34) e Salah (48), coloca a equipa treinada por Juergen Klopp na liderança, com mais três pontos do que o campeão City.

Os ‘citizens’, que contam com o português Bernardo Silva, ainda vão disputar o jogo desta 26.ª jornada, em que recebem no domingo o Chelsea (5.º), e podem igualar os ‘reds’, mas passam a ter mais um jogo disputado - anteciparam o da 27.ª jornada.

O Everton, treinado por Marco Silva, prossegue o mau momento e, depois das derrotas em casa com Wolverhampton e Manchester City, perdeu hoje fora com o Watford (1-0), clube que o português treinou em parte da época passada.

A derrota, graças a um golo de Andre Gray, aos 65 minutos, deixa o Everton no nono lugar, com 33 pontos, atrás de Watford, oitavo, com 37.

A ronda iniciou-se com uma homenagem em todos os jogos ao futebolista Emiliano Sala, cujo corpo foi recuperado nos últimos dias, em resultado da queda no Canal da Mancha do avião em que seguia para Cardiff, em 21 de janeiro.

Todos os jogadores usaram fumos negros nos jogos desta tarde e o encontro entre Southampton e Cardiff, que terminou com a vitória dos visitantes por 2-1, com o golo do triunfo aos 90+3, foi precedido de um minuto de silêncio.

A destacar também os triunfos importantes de Arsenal (6.º), em casa do último, o Huddersfield (2-1), e mais cedo do Manchester United (4.º), na visita ao Fulham, por 3-0, com Paul Pogba, uma vez mais, em bom plano.

O triunfo do United, que teve Diogo Dalot a titular, contou uma vez mais com o médio francês, que marcou aos 14 e 65 minutos, o segundo de grande penalidade, e soma oito golos nos últimos nove jogos. Pelo meio, aos 23, Martial fez o 2-0.

A equipa que passou a ser comandada por Ole Gunnar Solskjaer, desde a saída em dezembro de José Mourinho, somou a décima vitória e a oitava a contar para a ‘Premier’, e é agora quarta classificada, já em zona de Liga dos Campeões.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.