A jornada de futebol deste fim-de-semana em Inglaterra ficou marcada por uma agressão de um adepto do Birmingham a Jack Grealish, capitão do Aston Villa. O jogador entrou em campo durante o dérbi e agrediu o jogador dos 'villains' no pescoço, sendo prontamente retirado do relvado pelos seguranças, num encontro do Championsip.

Numa coluna que assina no 'The Sun', Alan Shearer, antigo jogador do Blackburn e Newcastle sublinhou que a segurança dos jogadores está e causa e pediu medidas urgentes à Federação Inglesa, de modo a evitar casos piores no futuro.

"É uma situação repugnante e se não começarmos a agir, da próxima vez em vez de um soco, pode ser uma facada. Podia perfeitamente ter acontecido numa dessas invasões, e depois? O que é suposto o jogador fazer? Algo tem de ser feito, mesmo que isso signifique jogar em estádios vazios. Não há castigos exagerados para travar este comportamento", sentenciou.

Também na Premier League aconteceu uma invasão de campo, mas mais pacífica: um adepto dos 'gunners' entrou no relvado durante o Arsenal - Manchester United para celebrar com a sua equipa. Ainda aproveitou falar com Chris Smalling, defesa do United.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.