O Costa do Sol cimentou hoje a liderança do principal campeonato moçambicano de futebol, ao vencer no reduto do Textáfrica por 1-0, passando a somar 54 pontos, após a 25ª jornada do ‘Moçambola’.

O golo da equipa ‘canarinha’ surgiu aos 27 minutos, através do avançado Isac, contra a corrente de jogo, uma vez que a ‘equipa fabril’ tinha mais posse de bola e maior iniciativa atacante.

Apesar de ter sofrido o golo, o conjunto da casa continuou ativo, procurando o empate, que só não apareceu porque o guarda-redes do Costa do Sol, Vítor, esteve atento.

No final, Horácio Gonçalves destacou a entrega dos seus jogadores, assumindo o objetivo de encarar os quatro jogos que faltam para terminar a prova como "autênticas finais".

"Temos essa humildade, respeitámos o adversário, um Textáfrica que é uma excelente equipa e que tem um treinador que sabe pôr a equipa a jogar da melhor forma", disse Gonçalves.

Por seu turno, o treinador da equipa ‘fabril’ elogiou a atitude dos seus jogadores, lamentando a falta de eficácia do setor atacante.

"O futebol em alta competição é isto: na única oportunidade que o Costa do Sol teve, fez golo. Lutámos e demos tudo o que tínhamos, mas faltou serenidade e calma aos rapazes", declarou Aleixo Fumo.

Com o triunfo de hoje, a equipa canarinha alarga, provisoriamente, a vantagem, para seis pontos, sobre o segundo classificado, Songo, que tem 48 pontos e menos dois jogos.

Os ‘hidroelétricos’ não atuaram este fim de semana para o ‘Moçambola’, uma vez que jogam hoje em Maputo contra o Bidvest, da África do Sul, em partida da primeira mão do jogo de qualificação para a fase de grupos da Taça CAF, a segunda maior prova continental.

A cinco jornadas do fim da prova máxima do futebol moçambicano, o Costa do Sol, treinado pelo português Horácio Gonçalves, vai tentar manter a série vitoriosa que vem registando desde o início da segunda volta, para poder consolidar as aspirações a mais um título.

O Costa do Sol é a equipa que mais campeonatos ganhou em Moçambique, somando, no total, nove troféus, desde a disputa da primeira edição da prova, em 1976 e conta também com o maior número de troféus da Taça de Moçambique, com 13.

Resultados da 25ª jornada:

- sexta-feira, 25 out:

Desportivo de Maputo - Chibuto, 2-0

- sábado, 26 out:

ENH - Desportivo de Nacala, 2-1

Ferroviário de Nacala - Baía de Pemba, 1-0

Liga Desportiva - Maxaquene, 3-2

- domingo, 27:

Textáfrica - Costa do Sol, 0-1

Ferroviário de Maputo - UD Songo (a)

Ferroviário da Beira - Têxtil do Púnguè, 0-1

Incomáti - Ferroviário de Nampula, 0-0

(a) adiado

Classificação:

1. Costa do sol, 54

2. Songo, 48 **

3. Ferroviário da Beira, 39

4. Ferroviário de Maputo 38 *

5. Textáfrica, 35

6. Chibuto, 33

7. Desporitvo de Nacala, 33

8. ENH, 33

9. Liga Desportiva, 33

10. Incomati, 32 *

11. Ferroviário de Nacala, 32

12. Desportivo de Maputo, 32

13. Maxaquene, 29

14. Ferroviário de Nampula, 29

15. Baía de Pemba 22

16. Têxtil do Púnguè, 19

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.