O Lyon, adversário do Benfica na Liga dos Campeões, perdeu este domingo por 1-0 em Saint-Étienne, no dia da estreia pelos locais do treinador Claude Puel, e caiu para 14.º, após a nona jornada da Liga francesa de futebol.

O golo que decidiu a partida surgiu ao minuto 90, por intermédio do avançado esloveno Robert Beric, que acentuou a crise do Lyon, agora com os mesmos nove pontos do 18.º (Toulouse) e apenas mais um do que os dois últimos (Dijon e Metz).

Destaque para a estreia vitoriosa de Claude Puel, que treinou os ingleses do Leicester na época passada e que regressou agora a França para orientar o Saint-Étienne, ele que tem um título de campeão francês no seu currículo, pelo Mónaco, em 1999/00.

Com este triunfo, o Saint-Étienne subiu ao 13.º posto, com 11 pontos, numa tabela liderada pelo Paris Saint-Germain, com 21, seguido do Nantes, com 19, e do Angers, com 16.

Também hoje, o Reims surpreendeu fora o Rennes, ao vencer por 1-0, graças a um golo de Boulaye Dia.

O Lyon é o próximo adversário do Benfica no Grupo G da Liga dos Campeões, no estádio da Luz, em 23 de outubro, a partir das 20:00, deslocando-se os campeões lusos a França em 05 de novembro.

O Grupo G é liderado pelos russos do Zenit e pelo Lyon, ambos com quatro pontos, seguido dos alemães do Leipzig, com três, e do Benfica, que ainda não somou qualquer ponto.

No primeiro jogo do dia, o Lille, no qual alinham quatro internacionais portugueses, cedeu um empate em casa a dois golos com o Nimes, seguindo no quinto posto, com 15 pontos.

No ‘onze’ inicial do Lille alinharam o central José Fonte e o médio Xeka, ao contrário dos compatriotas Renato Sanches e Tiago Djaló.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.