O Paris Saint-Germain reagiu esta sexta-feira através do site oficial à notícia do jornal L'Équipe, onde o desportivo francês deu conta do alerta feito pela UEFA às autoridades francesas para uma possível combinação de resultado no encontro entre os parisienses e o Estrela Vermelha, da Liga dos Campeões.

O clube do brasileiro Neymar confessou-se espantado com esta informação, negando "categoricamente qualquer envolvimento direto ou indireto em relação à suspeita de resultados combinados".

Confira o comunicado na íntegra:

"É com o maior espanto que o Paris Saint-Germain descobre, nesta sexta-feira, o artigo do "L'Equipe" evocando suspeitas de alegados atos de apostadores da Sérvia na partida da Liga dos Campeões frente ao Estrela Vermelha.

O Clube rejeita categoricamente qualquer envolvimento direto ou indireto em relação a essas suspeitas e também especifica que em nenhum momento o Paris Saint-Germain foi solicitado pelo "National Financial Office", entidade responsável pela investigação.

O Paris Saint-Germain está à disposição dos investigadores e não tolerará o menor dano à sua reputação ou à dos seus líderes. Nesse sentido, o clube reserva-se no direito de tomar medidas legais contra quem difamar o clube e/ou os seus dirigentes.

O Clube reafirma o seu profundo compromisso com o princípio fundamental do desporto, que é e sempre será a integridade das competições."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.