O Paris Saint-Germain defronta esta terça-feira o Club Brugge, em encontro da 3.ª jornada do Grupo A da Liga dos Campeões. O técnico Thomas Tuchel já conta com Mbappé na formação francesa mas frisa que o atacante não deverá fazer os 90 minutos. Kylian Mbappé vem um longo período de recuperação após lesão.

"Acho que é cedo demais para Kylian Mbappé jogar 90 minutos. Temos que encontrar a solução para saber se ele entra no início ou no final. O mesmo vale para 'Edi' (Cavani)", frisou o treinador do PSG esta segunda-feira, em conferência de imprensa.

Lesionado na coxa no final de agosto, Mbappé voltou a jogar alguns minutos, marcando um golo na vitória sobre o Nice (4-1).

Antes disso, só tinha jogado meia hora no dia 28 de setembro frente ao Bordéus e depois no dia 1.° de outubro contra o Galatasaray na Champions, antes de voltar a precisar de descanso.

Já Cavani não voltou a jogar desde a sua lesão, conrtaída no final de agosto e que o afastou da competição durante dois meses na temporada passada.

"Kylian e 'Edi', é ótimo que estejam conosco. Era muito tempo (...) Agora estamos mais fortes com os dois", afirmou Tuchel.

Durante a pausa para as datas FIFA, o PSG perdeu Neymar e Idrissa Gueye, lesionados.

Com seis pontos, o PSG lidera o seu grupo, com cinco pontos a mais que o Real Madrid, último colocado. Brugge tem dois pontos, o Galatasaray tem apenas um. Turcos e espanhóis defrontam-se também esta terça-feira, num jogo onde os merengues estão obrigados a vencer, sob pena de ficarem muito pressionados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.