O Liverpool recebeu e empatou com o Nápoles a uma bola e mantém-se no primeiro lugar do grupo E.

O Nápoles inaugurou o marcador em Inglaterra, aos 21 minutos com Dries Martens a colocar a bola rasteira junto ao poste esquerdo da baliza de Alisson e a fazer o primeiro da partida.

A incerteza ainda pairou, com o VAR a ser chamado à ação por falta na jogada que levou ao golo 'napolitano' mas o golo acabou por ser validado.

O Liverpool foi para os balneários em desvantagem e só chegou ao empate já a meio da segunda parte, com Dejan Lovren a cabeceiar para o fundo da baliza de Meret, para o golo que fechou a contagem em Anfield, fechando o empate entre as duas equipas.

No outro jogo do grupo E, o Salzburgo foi à Bélgica vencer o Genk por 1-4 com os golos dos austriacos a serem divididos pelas duas metades do jogo.

Daka e Minamino marcaram os dois primeiros do Salzburgo já nos últimos minutos da primeira parte e He Chan Hwang marcou o terceiro aos 69'.

O Genk a reduziu aos 85 minutos por Samatta, mas Erling Braut Haland repôs a vantagem de três golos com um golo aos 87 minutos da partida.

Com estes resultados, o Liverpool fica no primeiro lugar do Grupo E com dez pontos, seguido do Nápoles com nove e do Salzburgo com sete. O Genk está fora das competições europeias somando apenas um ponto nos cinco jogos já realizados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.