O Paris Saint-Germain qualificou-se hoje para as meias-finais da Liga dos Campeões de futebol, ao vencer a Atalanta, por 2-1, no primeiro encontro da inédita 'final a oito' em Lisboa.

No Estádio da Luz, o croata Mario Pasalic, aos 27 minutos, marcou o primeiro golo da partida, mas os parisienses deram a volta ao marcador nos minutos finais, com golos de Marquinhos (90) e Eric Maxim Choupo-Moting (90+3).

Especial Liga dos Campeões: Acompanhe todas as decisões com o SAPO Desporto! 

Para Gian Piero Gasperini, técnico da Atalanta, os detalhes acabaram por fazer a diferença. "Estamos muito desiludidos, estávamos muito perto. Eles têm alguns dos melhores jogadores do mundo, Mbappé e Neymar, que, a certa altura, explodiram. Fizemos tudo o que podíamos, por isso só tenho a agradecer aos rapazes. A Champions é uma competição muito especial e há pouco tempo li que José Mourinho tinha dito que esta é uma competição dos detalhes. Os detalhes fazem a diferença quando os jogos são muito equilibrados", referiu o técnico italiano.

"Estamos muito desiludidos, pois sentimos que estávamos quase nas meias-finais. Isso teria sido extraordinário, mas, de qualquer modo, já foi extraordinário chegarmos aqui. Queremos melhorar na próxima temporada. Provavelmente não nos resultados, o que será difícil, mas enquanto equipa", acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.