Na antevisão do jogo com o Lokomotiv Moscovo, da 3.ª jornada da Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo falou da evolução do futebol da Juventus com o técnico Maurizio Sarri e do seu papel em campo. Na conversa com os jornalistas, o craque da 'Vecchia Signora' frisou que o mais importante é o coletivo.

"Penso que a equipa está melhor, temos mais confiança em nós, criamos muitas oportunidades. É um futebol diferente do passado, mais ao ataque. O meu papel é parecido, mas tenho mais liberdade. Estamos a fazê-lo de maneira gradual. Estou muito contente com esta mudança, [Sarri] deu-nos muita confiança. Cada um tem o seu papel. Claro que se me puserem à baliza não sei o que fazer, mas trabalhamos todos juntos e este é o aspeto mais importante", sublinhou.

Ao lado do português esteve o treinador Maurizio Sarri. O treinador da Juventus elogiou a capacidade mental de Cristiano Ronaldo.

"Ser treinador de Cristiano é motivo de orgulho. Além das suas qualidades, tem uma mentalidade extraordinária. Tem a capacidade de estabelecer objetivos individuais para todos. Está em constante evolução. Quando marcou o seu 700.º golo começou logo a pensar no 800.º. É extraordinária a forma como define objetivos e motivações, chega a ser contagiosa. O lado mental permite-me perceber que ele é diferente, mentalmente tem algo mais que todos os outros", apontou Sarri.

Na sua segunda época no emblema de Turim, Ronaldo leva cinco golos marcados em nove jogos na Serie A e na Liga dos Campeões.

A Juventus recebe o Lokomotiv Moscovo esta terça-feira às 20h00, num jogo que será dirigido pelo grego Sidiropoulos. A equipa campeã italiana lidera o Grupo D com quatro pontos, os mesmos do Atlético Madrid.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.