O Manchester City continua a sua campanha cem por cento vencedora nesta edição da Liga dos Campeões. No entanto, os campeões ingleses não tiveram tarefa fácil para bater o Dinamo Zagreb em Inglaterra por 2-0.

No Ethiad, Bernardo Silva voltou a merecer a confiança de Pep Guardiola mas o português não atravessa um bom momento. Deu o seu lugar a Raheem Sterling aos 56 minutos e, 10 minutos depois, o internacional inglês abriu o marcador, a finalizar na pequena área uma boa triangulação atacante dos 'citizens'.

O 2-0 só apareceu nos descontos, aos 93 minutos, pelo jovem médio Phill Foden.

O golo dos ingleses podia ter chegado aos 22 minutos mas o remate de Ilkay Gundogan foi devolvido pela trave.

De referir que João Cancelo também foi titular no lado direito da defesa dos campeões ingleses e viu amarelo logo aos 19 minutos. Na equipa croata, o português Ivo Pinto não foi opção do técnico Nenad Bjelica e ficou no banco.

O Manchester City lidera o Grupo C com seis pontos, mais três que o Shakhtar Donetsk de Luís Castro (venceu fora a Atalanta por 2-1) e o Dinamo Zagreb, que têm três. Na próxima ronda os 'citizens' recebem a Atalanta, os ucranianos do Shakhtar Donetsk recebe o Dinamo Zagreb.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.