A Agência Tributária está a investigar o caso de delitos fiscais que envolve o defesa brasileiro Marcelo. O lateral brasileiro é o mais recente jogador a ser envolvido num caso de fuga ao fisco em Espanha.

Segundo avança o jornal espanhol El Mundo, o jogador do Real Madrid estará a ser investigado por um possível delito fiscal de 400.000 euros, realizado em 2013, pela gestão dos seus direitos de imagem, através de sociedades

A reabertura deste caso deve-se ao facto do jogador ter regularizado esse valor através do imposto de sociedades mas a Agência Tributária considera que esse pagamento devia ser feito através do IRPF, ou seja, o jogador devia realizar esse pagamento como pessoa física e não como pessoa juríica.

Desta feita, as finanças espanholas decidiram reabrir este caso, tal como já tinha acontecido com José Mourinho que, apesar de ter pago o que estava em falta à Agência Tributária, viu o seu caso a ser reaberto e neste momento está envolvido num processo judicial.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.