A Nova Zelândia foi declarada campeã dos circuitos mundiais de râguebi ‘sevens’ masculino e feminino, depois de a World Rugby cancelar definitivamente as etapas suspensas em março, devido à covid-19, anunciou hoje o organismo que regula a modalidade.

Os ‘All Blacks’ e as ‘Black Ferns’ lideravam o ranking de ambas as competições quando faltavam disputar quatro de dez etapas no circuito masculino (Londres, Paris, Singapura e Hong Kong) e três na competição feminina (Langford, Paris e Hong Kong).

A federação internacional decidiu ainda alterar a qualificação olímpica de forma a refletir classificação dos circuitos mundiais em 2021 (apuram-se automaticamente os quatro primeiros classificados de cada circuito), para “assegurar a mais robusta e fiel representação do momento de forma quando os Jogos começarem, em julho de 2021”.

Além disso, a World Rugby decidiu ainda que não haverá lugar a qualquer despromoção do circuito mundial (o País de Gales ocupava o último lugar), mas o Japão, que liderava o ranking das ‘Challenger Series’, será promovido a 16.ª equipa residente, apesar do cancelamento do 'play-off' de oito equipas previsto para outubro.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 502 mil mortos e infetou mais de 10,20 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.568 pessoas das 41.912 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.