Opinião

21-06-2016 17:41

Leão confirma época dominadora no terreno do rival

Sporting vence Liga Sport Zone no Pavilhão da Luz
Foto: SAPO Desporto

Sporting vence Liga Sport Zone no Pavilhão da Luz

Por Rodrigo Pais de Almeida sapodesporto@sapo.pt

Depois dos dois embates de Odivelas em que o “score” marcava uma vitória para cada equipa, o Sporting Clube de Portugal conseguiu vencer os dois encontros seguintes (o 3º e 4º da final) em casa do eterno rival Sport Lisboa e Benfica arrebatando o troféu mais desejado da época com duas vitórias por 1-2.

Em jogos muito idênticos, a equipa de Nuno Dias fez valer a sua eficácia e jogo de risco nulo frente a uma equipa de Joel Rocha com poucas ideias e que se vendo privada de Patias em ambos os jogos e de Bruno Coelho no primeiro, não conseguiu ter argumentos para uma equipa do Sporting firme, pragmática e que tem de se julgar como justa vencedora (se pode haver justiça para lá dos resultados dos jogos...) pois vence os dois encontros em casa do seu adversário selando a final da Liga Sport Zone com um resultado de 3 a 1 em vitórias.

Os factos são factos. O Sporting vence todas as competições que disputou, Taça Honra de Lisboa, Fase Regular da Liga Sport Zone, Taça da Liga, Taça de Portugal e Play Off de Campeão da Liga Sport Zone. Por seu turno o Benfica vence a Supertaça e chega à UEFA Futsal Cup Final Four onde não perde nenhum jogo e sai em 3º lugar. Entre um ou outro facto relevante este é o resumo da época de Futsal Senior Masculina em Portugal (no que diz respeito a competições de clubes). Vantagem clara do Sporting que atinge o topo com o Campeonato e Taça de Portugal, melhor defesa e melhor ataque da Liga Sport Zone face a um Benfica que tendo ganho a Supertaça, foi melhorando e aproximando-se até ao final de um Sporting dominador e goleador ao longo de toda a época.

Jogos da final marcados por enorme equilíbrio atestado pelo resultado de 2-1 em três dos embates depois do 3-0 do primeiro jogo favorável à equipa leonina. Este equilíbrio marca o que são hoje em dia os derbys entre as duas melhores equipas Portuguesas, jogos de receio múltiplo, equipas que privilegiam o jogo de risco zero na construção de jogo ou saindo com muitos jogadores nas linhas mais recuadas de construção ofensiva aglomerando o jogo e os apoios e perdendo em profundidade e continuidade de jogo e posse, ou optando por ultrapassar as primeiras linhas defensivas do adversário com jogo mais direto dos seus Guarda Redes para os Pivots dando a maioria das vezes a bola ao adversário mas colocando a equipa equilibrada e não arriscando perdas de bola em zonas de risco.

Glória aos Vencedores... Honra aos vencidos!

Opinião