Quinas de Ouro

21-03-2017 00:33

Ronaldo e o Euro2016: "Há pessoas aqui que não acreditavam em nós"

O internacional português lembrou também que pouca gente acreditava que a seleção conseguisse conquistar o Euro2016, em França, como veio a suceder.
Cristiano Ronaldo
Foto: Lusa

Cristiano Ronaldo

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O capitão da seleção portuguesa de futebol, Cristiano Ronaldo, considerou hoje 2016 "um ano de sonho" para Portugal, depois de receber o prémio da equipa do ano na Gala ‘Quinas de Ouro’, realizada no Centro de Congressos do Estoril.

Ao lado de Pepe e Bruno Alves no palco da cerimónia organizada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF), o internacional português lembrou também que pouca gente acreditava que a seleção conseguisse conquistar o Euro2016, em França, como veio a suceder.

"Esta noite é para agradecer não só aos jogadores, aos treinadores, mas também a todos os portugueses. Agradeço ainda ao ‘mister’ Fernando Santos, que tornou isto possível", afirmou, acrescentando: "Ninguém acreditava em nós. Há pessoas aqui que não acreditavam em nós. Não éramos os favoritos, mas este prémio é prova de que nem sempre ganham os melhores".

Mais tarde, o capitão da ‘equipa das quinas’ voltou a subir ao palco para receber o prémio de Jogador do Ano, superando Pepe e Rui Patrício, e partilhou a sua alegria com os portugueses.

"Foi um ano especial, pois o Europeu era o único troféu que me faltava. Uma vez mais, digo que os portugueses foram fundamentais para a nossa vitória, pois deram-nos confiança", rematou.

Por fim, Cristiano Ronaldo foi homenageado uma terceira vez na gala, ao integrar os vencedores do Prémio Prestígio da FPF, atribuído aos 23 campeões da Europa de futebol.

Conteúdo publicado por Sportinforma