BES

07-08-2014 10:04

Cristiano Ronaldo transferido para o “banco bom”

A ligação entre o BES e Cristiano Ronaldo começou em 2003 quando o português deixou o Sporting para rumar ao Manchester United, na altura com 18 anos.
Cristiano Ronaldo vai manter parceria com o BES

Cristiano Ronaldo vai manter parceria com o BES

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Cristiano Ronaldo irá manter a parceria com o BES mas muda-se para o "banco bom". O internacional português, um dos rostos do banco há dez anos, viu o seu contrato de patrocínio transferido para o Novo Banco, apesar da ligação com o BES terminar no final deste ano.

Maria Antónia Saldanha, diretora de comunicação do BES, garantiu ao jornal Record que a ligação com internacional português "está em vigor e vai ser cumprido". Do lado do jogador a intenção é manter a parceria, apesar dos danos causados na sua imagem com a crise no banco que levou a saída da anterior administração e a divisão da instituição em dois.

"Vamos deixar acalmar as coisas e esperar por notícias", disse uma fonte próxima do jogador ao jornal Record, garantindo que CR7 "tem orgulho na parceria com uma instituição portuguesa". O jogador até está disponível para prolongar o contrato com o banco mas "não depende só dele".

A ligação entre o BES e Cristiano Ronaldo começou em 2003 quando o português deixou o Sporting para rumar ao Manchester United, na altura com 18 anos.

Em Espanha, o jornal "El Mundo" fez um artigo onde analisa a ligação de CR7 com o BES. "Falar do Banco Espírito Santo em Espanha é falar de Cristiano Ronaldo", escreveu aquela publicação, complementando: "nos últimos anos, o banco cresceu no país impulsionado por uma campanha protagonizado pelo astro português, refere o jornal espanhol, que afirma haver 34 e cerca de 75 mil clientes do BES em Espanha.

Conteúdo publicado por Sportinforma